Mark Blyth: «Draghi não é um keynesiano, é um realista»

Para o professor de Economia Política Internacional no Watson Institute for International Studies da Universidade de Brown, e autor do polémico livro “Austeridade – A história de uma ideia perigosa”, o homem do momento, o italiano Mario Draghi, está a esgotar o que pode fazer com a política monetária e a avisar os políticos da zona euro que, agora, é a vez deles. Mas está pessimista sobre o efeito do apelo do patrão do banco central. (c) JNR 2014