Archive for G7

You are browsing the archives of G7.

«The greatest winner of the 2014 geopolitical crisis in Eastern Europe has been China», Constantin Gurdgiev

«The greatest winner of the 2014 geopolitical crisis in Eastern Europe has been China», Constantin Gurdgiev

Interview with Constantin Gurdgiev, Russian economist based in Dublin, by Jorge Nascimento Rodrigues (c) JNR, 2014

A saga da semana da “guerra das divisas” antes e durante o G20 de Moscovo

O filme da “guerra de divisas” de fevereiro de 2013 antes e depois da reunião ministerial do G20 em Moscovo. Está mesmo em curso a guerra cambial? As desvalorizações competitivas estão na ordem do dia? O risco foi debelado com as palavras do comunicado do G20? Ou vai prosseguir por portas e travessas? (c) JNR, 2013

Dossiê BRICS: Da Cimeira em Nova Deli à relação de forças no FMI e Banco Mundial

Realizou-se dia 29 de março de 2012 na capital da Índia a 4ª cimeira das cinco principais potências emergentes. Economistas dos cinco países envolvidos comentam as expetativas em torno do encontro e depois o seu balanço. Um plano de ação foi aprovado pela primeira vez. Não é, ainda, o momento de macrodecisão do grupo, mas para lá se caminha.

Retoma: o fantasma do modelo “japonês” ronda os países “ricos”

E depois da crise, no ‘Ocidente’? Assistiremos ao regresso do crescimento dourado ou da estagnação secular? Os economistas dividem-se. Os pessimistas falam de uma “retoma” anémica nos países “ricos”, da condenação a um crescimento de tipo “japonês”. Os optimistas vêm na inovação a luz ao fundo do túnel

«Não há solução sem a China»

Indhira Santos, perita do think tank BRUEGEL, de Bruxelas, fala sobre as expectativas para a reunião do G20 de dia 2 de Abril.

The first ever truly global crisis – an interview with Franck Biancheri from the Newropeans

This crisis is definitely the terminal moment of the Bretton Woods system, 1944 version at the end of the World War and 1971-76 version after the Nixon shock. Also it’s the bridge for a change in the great power system. In this sense it’s a systemic crisis – not of capitalism as a system, but of the geopolitical, economic and financial system design from the 1940s. It’s completely different from the 1930s, refers Franck Biancheri, the leader of Newropeans. This is the first truly global crisis – a crisis of a world finally truly globalized in finance and economy.